jusbrasil.com.br
10 de Dezembro de 2016
    Adicione tópicos

    Obras no Aeroporto Internacional de Fortaleza apresentam atrasos

    Tribunal de Contas da União
    há 3 anos

    As obras de reforma, ampliação e modernização do Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza (CE), apresentam incompatibilidade entre o cronograma físico-financeiro previsto e o executado, e ausência, no edital, de critérios objetivos para medição dos serviços.

    Segundo o relatório do Tribunal de Contas da União (TCU), o cronograma da Infraero indica que, em março deste ano, a obra deveria contar com mais de R$ 80 milhões em serviços executados, cerca de 24% do valor do contrato. Porém, na data prevista, os serviços efetivamente medidos apresentavam valor próximo a R$ 35 milhões, equivalente a 10% do total. Quando questionada pelo tribunal, a Infraero informou que as providências para readequar o cronograma já foram tomadas. Dentre as medidas, está a criação de plano de recuperação do atraso, a ser formalizado no 1º termo aditivo.

    O tribunal também notificou a Infraero sobre a ausência, nos editais, de critérios de medições, em que se baseiam os pagamentos. Embora a obra tenha sido contratada por empreitada por preço global, está sendo medida como preço unitário.

    Em fiscalizações anteriores, a atuação do TCU permitiu economia de mais de R$ 15 milhões a partir de correções de preços.

    O relator do processo é o ministro Valmir Campelo.

    As obras

    As obras do aeroporto estão divididas em duas etapas. A primeira, com objetivo de atender à demanda decorrente da Copa, tem término previsto para fevereiro de 2014. O terminal de passageiros será ampliado e interligado ao terminal existente. Serão feitas, ainda, intervenções no sistema viário, ampliação do pátio de aeronaves e construção de um pátio para equipamentos e rampas. A segunda etapa, tendente a quadruplicar a capacidade operacional do aeroporto até 2017, prevê a ampliação do terminal (ala oeste) e a reforma do terminal existente.

    Serviço:

    Processo: TC 013.820/2013-3

    Acórdão: 2224/2013 - Plenário

    Sessão: 21/8/13

    Secom RS

    Tel.: (61) 3316-5060

    E-mail: imprensa@tcu.gov.br

    Acompanhe o TCU pelo Twitter e pelo Facebook

    Para reclamações sobre uso irregular de recursos públicos federais, entre em contato com a Ouvidoria do TCU, clique aqui ou ligue para 0800-6441500.

    O conteúdo desta página é de acesso público. Saiba mais

    Disponível em: http://tcu.jusbrasil.com.br/noticias/100679202/obras-no-aeroporto-internacional-de-fortaleza-apresentam-atrasos

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)